Orla Cultural


Deixe um comentário

Museu tem funcionamento alterado neste Domingo (01/11)

O Memorial das Conquistas tem sua programação alterada neste domingo (1º de Novembro) devido à partida Santos FC x Palmeiras, valido pelo Campeonato Brasileiro.

 

A Bilheteria do museu ficará aberta das 09 às 16h.

 

Sócios têm isenção dos ingressos ao museu apresentando sua carteirinha na entrada.

Demais torcedores e visitantes pagam meia o dia todo.

 

Além disso, a presença do Baleinha & Baleião está confirmada neste dia.

 

Lembrando que só serão realizadas Visitas Simples com acesso restrito ao Museu. Arquibancadas e Visitas Monitoradas não serão realizadas devido ao jogo.

 

Anúncios


Deixe um comentário

Jardim do IHGSV pode ser sítio arqueológico

Revista Relevo | As artes sem superfície

Um novo sítio arqueológico pode estar localizado no jardim da Casa do Barão, patrimônio tombado em nível estadual e municipal que hoje é sede do Instituto Histórico e Geográfico de São Vicente. No espaço onde foram abertos três pontos de sondagem, já foram recolhidas 150 peças, entre ossos de animais de grande porte, cerâmica, ferraduras, porcelanas, garrafas de vidro e até conchas. Assim, um indicativo da presença dos povos sambaquis na área.

Todo o material foi encaminhado ao Centro Regional de Pesquisas Arqueológicas (Cerpa). As análises estão previstas para durar dois meses, mas há indícios de que o acervo encontrado remeta ao século 19 e, se confirmados resquícios de sambaquis, de uma etapa anterior à colonização.

Em entrevista ao jornal A Tribuna, o pesquisador Manoel Gonzalez detalhou: “Nas primeiras prospecções, encontramos no solo manchas contínuas de carvão e conchas, que podem indicar sambaquis. Estão a mais de meio metro de…

Ver o post original 64 mais palavras


Deixe um comentário

SISEM e Catavento Cultural promovem ‘Encontro de Museus de Ciências’ – inscrições abertas

ctavento

No dia 13 de novembro de 2015, o Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP) em parceria com o Museu Catavento Cultural, Museu de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, promovem o “Encontro de Museus de Ciências”. Com palestras e vivências voltadas ao tema “Interatividade em Museus”, atualmente tema bastante explorado na concepção de exposições.

Público alvo:monitores/mediadores, educadores, curadores e interessados em geral.
Inscrições: de 16/10/15 a 09/11/15

140 vagas – com certificado de participação.

Local: Palácio das Indústrias – Parque Dom Pedro II / São Paulo SP
Fone: (11) 3246 4045
Entrada pela Administração (Portão 2 – Av. Mercúrio). Auditório do Catavento.
Contrapartida dos Participantes: Os participantes arcarão com os custos de traslado, alimentação e hospedagem.

PROGRAMAÇÃO:
9h – Abertura.

9h30 – Apresentação Catavento.
Pamella Freire (Educadora do Museu Catavento).
Pedro Jackson (Educador do Museu Catavento).
Como é desenvolvido o trabalho no Museu Catavento, bem como, sua estrutura, sua históriae sua concepção Museológica.

10h – Arquitetura no museu: Projeto e execução de espaços de divulgação científica.
Ricardo Pisanelli (Arquiteto do Museu Catavento).
Opapel da arquitetura no Catavento, apresentando a metodologia de projeto e a execução das instalações:“Aventura no sistema Solar”, “Viagem ao fundo do mar”, “Do macaco ao homem” e “Borboletário”.

11h – Além do apertar botões:Níveis de interatividade e experiência na produção de exposições.
Mário D. Domingos (Curador científico do Instituto Abramundo).
A relevância da interatividade, dos diferentes tipos de interação e potencialidades futuras. Conforme a experiência do Instituto Abramundo na produção de exposições interativas.

12h – Almoço

14h -Vivências no Catavento: Experiênciacom os diferentes tipos de interatividade nas seções “Nano Aventura”, “Laboratório de Química”, “Aventura no sistema solar ” e “Viagem ao fundo do mar”.


Deixe um comentário

14% dos museus brasileiros têm associações de amigos, aponta pesquisa inédita

feambra

Ao longo dos últimos sete meses, nove voluntários selecionados pela Feambra, a Federação de Amigos de Museus do Brasil, contataram as 3.500 instituições que constam no Cadastro Nacional de Museus, do Ibram, órgão ligado ao Ministério da Cultura. Deste total, 1.697 se dispuseram a receber um questionário da Federação.

Dos que responderam, 14% declararam ter uma associação de amigos de museus. As respostas ficaram mais concentradas na região Sudeste, com 44%, e Sul, com 36%. Um dos principais dados desse levantamento é o número considerável de museus, 85%, que declararam interesse em montar uma associação de amigos com a ajuda da Feambra.

Associações de Amigos de Museus são organizações sem fins lucrativos, compostas por pessoas que têm por finalidade apoiar e colaborar com as atividades dos museus. As associações de amigos de museus são por essência compostas por voluntários. Os integrantes podem ser da comunidade onde está localizado o museu, curadores, parceiros, conservadores honorários, amantes da arte, ou patrocinadores.

“Em tempos de crise, toda ajuda é bem-vinda, mas é preciso ficar claro que a Federação incentiva os voluntários para colaborar com os museus e não trabalhar para os museus” afirma Camila Leoni Nascimento, diretora-executiva da Feambra. “Por outro lado, é fundamental que os museus mostrem sua intenção em receber voluntários e, com isto, se aproximem da população”, acrescenta Camila.

Com esse levantamento será possível, pela primeira vez, acompanhar a evolução dessas associações, bem como a atuação do voluntariado no campo cultural brasileiro. Esse é outro ponto que merece destaque: o interesse crescente do público jovem em atuar nessa área, mostrando que eles também querem se envolver com essas questões. Atualmente esses voluntários são, em sua maioria, profissionais com carreiras sólidas, autônomos ou aposentados.

A pesquisa completa pode ser baixada gratuitamente em www.feambra.org

Sobre a FEAMBRA

A Feambra é uma entidade sem fins lucrativos, fundada em outubro de 1989, que colabora na preservação e divulgação do patrimônio cultural, por meio do desenvolvimento de Associações de Amigos de Museus, além de apoiar essas próprias instituições, associações e entidades culturais. Atualmente conta com mais de 90 instituições associadas. Uma das ações desenvolvidas é incentivar a criação de associações de amigos de museus. A Feambra lançou, em 2014, o primeiro “Guia para Criação e Gestão de Associações de Amigos de Museus”. A publicação serve para orientar de maneira objetiva como o trabalho voluntário em museus pode trazer inúmeros benefícios, tanto para as instituições quanto para a própria sociedade. Com a tiragem impressa esgotada, o guia tem a versão on-line disponível no site da Feambra. É a primeira obra do gênero no país e uma das poucas no mundo que aborda o conceito do que são e como constituir as Associações de Amigos dos Museus.

Fonte:Defender